por que queimam as moradias das pessoas pobres?

Esse é um assunto muito importante e é tratado com preconceito e simplismos pelos meios noticiosos.

Indico a leitura de artigo de João F. Finazzi, intitulado Não acredite em combustão espontânea. Segue um trecho:

Em uma área em que se encontram 114 favelas de São Paulo, houve 9 incêndios em menos de um ano, enquanto que em uma área em que se encontram 330 favelas não houve nenhum. Algo muito peculiar deve acontecer com a minoria das favelas, pois apresentam mais incêndios que a vasta maioria. Ao menos que o clima seja mais seco nessas regiões e que os habitantes dessas comunidades tenham um espírito mais incendiário que os das outras, a coincidência simplesmente não é aceitável. (Disponível na íntegra na Carta Maior)

Divulgo também esse projeto impressionante que identifica, localiza e divulga os incêndios que destroem as moradias dos pobres, como mapeamento significativo em São Paulo: é o Fogo no Barraco: http://fogonobarraco.laboratorio.us/

Anúncios
Esse post foi publicado em Direito à Moradia, Especulação imobiliária, Prevenção de desastres, Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s