Dilma refuta tentativa da Fifa de prejudicar idosos e estudantes durante a Copa

A presidenta Dilma Rousseff rechaçou tentativas de representantes da Fifa de impor mudanças nos estatutos dos Idosos e do Torcedor, que asseguram meia entrada em estádios de futebol às pessoas com mais de 60 anos.A mudança foi uma das exigências da federação de futebol para a Copa do Mundo de 2014. No projeto de Lei Geral da Copa, encaminhado pelo governo ao Congresso Nacional nesta segunda-feira 19, a União define o que é sua responsabilidades e o que é atribuição da Fifa.Mesmo aceitando proteger interesses comerciais da organização, com sanções a quem violar imagens e marcas da competição, a presidenta recusou mexer na legislação que confere direito aos idosos.No caso de estudantes, apesar de a Fifa também querer cobrar o preço cheio de todos, não há lei federal a respeito. O benefício dependerá de normas estaduais ou municipais.O mesmo mecanismo vale para a venda de bebidas alcóolicas nos estádios. Há proibição em alguns estados, mas em outros não. Para alterá-las, a Fifa precisaria negociar caso a caso.O governo também promete falar grosso no que diz respeito a “exigências de última hora” e a “gastos exorbitantes”. “Respeitamos a Fifa, mas não nos subordinamos às suas ameaças”, disse a Casa Civil, por meio da assessoria. A intenção é de evitar que a entidade tenha carta branca.

viaDilma refuta tentativa da Fifa de prejudicar idosos e estudantes durante a Copa — Rede Brasil Atual.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s