“Até 2014 temos muitas frentes de luta” – Afirma Benedito Barbosa, advogado dos movimentos de moradia em SP

O uso da força policial contra trabalhadores e movimentos sociais e populares, principalmente durante protestos, não é nenhuma novidade. Aos 51 anos, o advogado da União dos Movimentos de Moradia, Benedito Barbosa, é mais uma das vítimas da truculência de integrantes da Polícia Militar de São Paulo.

Dito, como é conhecido, perdeu o ar depois de receber uma “gravata” de um policial militar no dia 29 de julho, durante uma reintegração de posse de um prédio particular abandonado, na Alameda Nothmann, número 280. A agressão foi registada por uma rede de televisão que estava no local (veja o vídeo).

O advogado tentava se comunicar com famílias, que se negavam a desocupar o local. Depois de jogar uma sacola de pão por uma janela para que os resistentes, incluindo crianças, se alimentassem, Dito foi repreendido, agarrado pelo pescoço e acabou detido no 77º Departamento de Polícia, no bairro Campos Elíseos, em São Paulo (SP).

O inquérito policial 720/11 foi aberto para investigar as ações ocorridas naquele dia, incluindo o excesso de força policial. A Relatoria do Direito Humano à Cidade, da Plataforma DHESCA, emitiu nota condenando a agressão e pedindo a investigação da conduta do policial militar. Alertaram também ao Estado que verifique a necessidade de incluir Dito no Programa Nacional de Defensores dos Direitos Humanos.

Para falar sobre a agressão que sofreu da Polícia Militar e das principais reivindicações dos movimentos de moradia de São Paulo, a agência Brasil de Fato entrevistou o advogado. Segundo ele, a luta dos movimentos contra remoções e por mais moradia na cidade é grande e será intensificada até 2014 em razão do mega-evento da Copa Mundo. Confira.

Leia a entrevista: Afirma Benedito Barbosa, advogado dos movimentos de moradia em SP | BRASIL de FATO.

Anúncios
Esse post foi publicado em A questão é fundiária!, Assessoria Jurídica, Copa do Mundo, Direito à Moradia, Movimentos Sociais. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s