Para Raquel Rolnik, Santa Ifigênia será ‘terra arrasada’ com projeto Nova Luz

“As remoções arbitrárias de moradores da região da Santa Ifigênia para a implantação do projeto Nova Luz, de iniciativa da Prefeitura de São Paulo, estarão entre as novas denúncias da relatora da ONU para moradia adequada, Raquel Rolnik. O anúncio ocorreu na noite da segunda-feira (15), durante debate da professora da USP com moradores e lojistas da região atingida pelo projeto Nova Luz, no centro da capital paulista.

Segundo Raquel, pelo menos duas outras grandes obras na capital paulista também serão denunciadas por ela à ONU: as remoções motivadas pela Operação Urbana Consorciada Águas Espraiadas, na zona sul da capital paulista, de responsabilidade da Prefeitura, e a retirada de moradores para construção do estádio Itaquerão, na zona leste de São Paulo.”

Leia mais no Portal da Rede Brasil Atual: Para Raquel Rolnik, Santa Ifigênia será ‘terra arrasada’ com projeto Nova Luz — Rede Brasil Atual.

Anúncios
Esse post foi publicado em Gentrificação, Metrópoles, política urbana, Recursos Públicos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s